Isabela França. Ed. 146

para-leitores

Foto: Naideron Jr.

Para leitores

Foto: Naideron Jr.

Foto: Naideron Jr.

Curitiba ganhou, em novembro, a revista Mapa. Linda e com tiragem inicial de três mil exemplares e distribuição gratuita e dirigida, a publicação pretende ser um guia de leitura para pessoas que gostam de ler. A iniciativa é da Editora Arte & Letra e do programa Conversa entre Amigos. Com periodicidade bimestral, a Mapa nasce com 60 páginas e parceria de conteúdo com o jornal The New York Times e a revista The New York Review of Books. Entre seus colaboradores estão Luiz Felipe Leprevost, Rafael Krebs, Cezar Tripadalli, Christian Schwartz e Irinêo Baptista Netto. As ilustrações são de Frede Tizzot, Miguel Nicolau Abib Neto e Osvalter Urbinati. A proposta é ser uma fonte de consulta para quem busca referências de leitura mais qualificadas que as listas dos livros dos mais vendidos da semana. Com foco no leitor comum, a revista foge da linguagem erudita, própria das publicações literárias consumidas por intelectuais, escritores e editores. Um movimentado coquetel marcou o lançamento da Mapa, na Livraria Arte & Letra, em Curitiba, no Batel, ponto de distribuição local da revista. 

Paixão por sapatos

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A empresária Rafaela Rodrigues já se acostumou a ser chamada de Rafaela Valentin. O nome da sua loja de sapatos virou sobrenome e não foi por acaso. A tatuagem de um scarpin no pulso também não. Apaixonada por sapatos desde a infância, trabalhou como vendedora durante a faculdade e há três anos abriu a Valentin Calçados, no Shopping Total, em Curitiba.

Formada em Administração, migrou para a área de Comércio Exterior e foi funcionária de uma multinacional. A antiga paixão nunca saiu de sua cabeça e a oportunidade de uma loja que pudesse fornecer mercadoria de qualidade a preços acessíveis levou Rafaela definitivamente para perto daquilo que mais gosta e conhece.

Todos os sapatos e produtos da loja são selecionados pela proprietária, que participa de feiras nacionais da área e está sempre ligada nas tendências de moda. Ela escolhe criteriosamente as marcas que revende e aposta em design exclusivo. Na vitrine da Valentin pode-se encontrar marcas consolidadas – como a Ferrucci, terceira empresa de sapatos mais antiga do Brasil.

De olho nas tendências de moda, ela seleciona cores, materiais, saltos, fivelas e outros detalhes para criações que a cada dia ganham mais clientes. A clientela, que assim como ela é aficionada, é grande. Para este público, a empresária desenvolve campanhas de consumo consciente. Um sapato usado de qualquer marca vale 10% de desconto na loja. E toda a arrecadação vai para entidades assistenciais.

Premium aqui

O empresário Joel Malucelli está cuidando dos últimos detalhes do Curitiba Premium Outlet, em sociedade com um grande grupo de São Paulo. O projeto trará para Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, o primeiro outlet do Sul do Brasil, com grifes nacionais e internacionais. O shopping ficará em frente ao Contorno Leste, numa área de 120 mil metros quadrados e com área bruta locável de 20 mil metros quadrados. A expectativa é começar a construir em 2014 e, em dois anos, inaugurar o empreendimento. O Grupo J. Malucelli deverá entrar com 50% do investimento e o grupo paulista com os outros 50% de uma iniciativa estimada em R$ 140 milhões.

Black Angus

Foto: Kelly Knevels

Foto: Kelly Knevels

Com mais de 25 anos, a churrascaria curitibana Devons passou por uma atualização completa e reabriu, no final de novembro, com um novo serviço à la carte e produtos de origem, provenientes dos melhores fornecedores de Black Angus. Original da região nordeste da Escócia, a raça de gado Angus é reconhecida internacionalmente como produtora da “melhor carne do mundo”. De olho nas mudanças do mercado, o empresário Augusto Farfus mudou o conceito da casa para manter sua clientela e a localização privilegiada, no Centro Cívico, continua sendo seu grande atrativo, agora aliado ao conceito gourmet.

As novidades ficam por conta dos cortes premium de Filet Mignon, Steak de Picanha, Bife de Ancho, Bife de Chorizo, Cowboy Steak e Prime Rib, além de acompanhamentos. Com capacidade para até 90 pessoas, o salão principal ganhou adega e uma parede de vidro permite ao cliente acompanhar as carnes grelhadas. Um salão reservado para eventos comporta até 60 pessoas. Na foto, a assessora da Devon’s Angélica Belich e os empresários Augusto Farfus dos Santos e Fátima Ongaratto dos Santos.

Ficamos de fora

No próximo ano, doze cidades históricas brasileiras receberão uma injeção de R$ 2,8 milhões do governo federal, por meio da Embratur, para ações de divulgação e melhoria dos serviços de turismo. O anúncio será feito em janeiro, por Flávio Dino, presidente da entidade, durante a Feira Internacional de Turismo que acontece em Madri, na Espanha. Nenhuma das escolhidas está no Paraná. Brasília (DF), Goiás (GO), Olinda (PE), São Luís (MA), Diamantina e Ouro Preto (MG), Congonhas (MG), Salvador (BA), São Raimundo Nonato (PI), São Miguel das Missões (RS), São Cristóvão (SE) e o Rio de Janeiro receberão o estímulo do Programa, que irá fazer promoção específica desses destinos, além de capacitar, no exterior, operadores de turismo em informações sobre as cidades históricas brasileiras. Uma pesquisa realizada pela Embratur, durante a Copa das Confederações, mostrou que a principal atividade de lazer do turista que veio para o evento foi cultural e que, entre um jogo e outro, o estrangeiro optou por visitar museus, monumentos e bairros históricos. A pesquisa revelou que bairros históricos foram procurados por 50,8% dos estrangeiros. Em segundo lugar, com 39,5%, estão os museus, casas de cultura e exposições. Cerca de 39% dos estrangeiros optaram por passeios em monumentos. Os shows e espetáculos foram assistidos por 15,5%. 

Praça do sorvete

Foto: Bebel Ritzmann

Foto: Bebel Ritzmann

Depois dos italianos Freddo e Diletto, a Praça da Espanha, epicentro do chamado Batel Soho, está ganhando novas sorveterias. A mais recente é a Los Paleteros, a marca de picolés – paletas mexicanas – que virou uma febre entre os consumidores. Com 10 lojas em um ano de atuação, a marca está apostando na região. O layout da loja remete à cultura mexicana, mas mantém uma linguagem própria da marca, com temas astecas e motivos contemporâneos, exibindo um ambiente colorido, alegre e agradável. Os arquitetos Geane Chu e Vinícius França, investidores da nova unidade, contam que a escolha da Praça da Espanha foi motivada pela diversidade de público que visita a região e pelo conceito cultural e gastronômico que a praça vem ganhando. 

R$ 1,50

Um real e cinquenta centavos é o preço médio do minuto cobrado pelas videntes que prestam serviços espirituais online. Perto dos R$ 380 mil cobrados pela entidade “Vó” ou “Veia”, presa em novembro, em Curitiba, o custo dos prestadores de serviços online está bem mais modesto. Pergunto: esses “trabalhos” mais baratinhos não caracterizam estelionato?

Administradores em pauta

mg_9076

Foto: Nilton Rolim

O presidente do Conselho Regional de Administração do Paraná – CRA-PR, Gilberto Serpa Griebeler, e o presidente da Itaipu Binacional, Jorge Samek, reuniram-se para tratar dos preparativos da Convenção do Conselho Federal de Administração, que acontecerá entre 23 a 26 de abril de 2014, em Foz do Iguaçu. O delegado do CRA-PR na região, Evandro Stelle Teixeira Filho, participou do encontro. O destaque do evento será a implantação do exame de certificação profissional para administradores e tecnólogos em administração, que tem por objetivo fortalecer a credibilidade da profissão perante a sociedade. Os aprovados passarão a integrar um cadastro nacional de profissionais de administração certificados a partir de normas e padrões de excelência, com enfoque nas suas competências e conhecimentos. A submissão ao exame será opcional e terá validade nacional por três anos. A primeira área a ser contemplada é a de recursos humanos para profissionais com cinco anos de experiência.

Cortesia

É delicioso o atendimento e a gentileza do casal Claudine e Oscar, que comanda a Panoteca, na Rua Gastão Câmara, no Bigorrilho. São tantas as gostosuras que eles servem aos clientes enquanto se aguarda na fila da slow bakery, que a espera se torna um grande programa.

Leia mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *