Isabela França. Ed. 148

Ana_Clara

A volta por cima de Ana Clara

Foto: Gabriel Chaim

Foto: Gabriel Chaim

Existe lugar melhor para se curtir uma dor de cotovelo que Paris? Melhor do que isso é fugir para Paris para esquecer de um amor e acabar transformando sua carreira e ganhando fama internacional. Pois foi o que aconteceu com a jornalista gaúcha Ana Clara Garmendia, especialista em moda e precursora da fotografia street-style no Brasil.

Em 2006, Ana Clara abandonou o dia a dia das redações e mudou-se para Paris. Sem um objetivo profissional definido, começou a cobrir os eventos de moda – o que já fazia no Brasil – e a necessidade de imagens fez com que arriscasse seus próprios registros.

Como a plateia sempre foi tão ou mais interessante que as passarelas, Ana Clara passou a clicar os bastidores e o burburinho dos desfiles. Seu olhar atento e apurado foi rapidamente percebido pelos editores e jornais e revistas passaram a requisitar mais e mais o seu trabalho. Continuou a colaborar com textos para jornais, revistas e para a internet, mas, em muito pouco tempo, passou a ser conhecida como fotógrafa.

Foto: Luiza Garmendia

Foto: Luiza Garmendia

A fotografia street-style no Brasil é recente. Até a virada de 2010, as revistas de moda traziam registros do vestir de famosas e resquícios daquelas seções Certo e Errado, com um tom ditatorial inconcebível para os dias de hoje. As fotos de Ana Clara são diferentes. Têm o olhar jornalístico, a busca pela novidade. São imagens que falam por si, mostram tendências, comportamentos que contam algo. Ana antecipou esse movimento tendo registrado em seu blog o ano de 2006 como o começo de suas fotos pelas ruas de Paris. O período coincide com o momento em que grandes nomes da moda mundial também começaram a mostrar a moda sob este viés. Ana foi a única brasileira – no meio dos gringos – a mostrar para o mundo a porta dos desfiles.

Colaboradora do jornal Gazeta do Povo, das revistas Vogue Brasil e Glamour, entre participações internacionais para a Vogue.it, Style.com e Telegraph, Ana Clara acaba de lançar o livro Retratos de uma Cidade do Século 21. Um livro artístico, com apresentação de Costanza Pascolato e Alcino Leite e textos da autora, com versão para quatro idiomas.

Garfunkel

paulgarfunkel

Curitiba terá, no próximo ano, uma consistente e representativa exposição da obra do artista francês radicado por aqui Paul Garfunkel. Ao todo, 200 trabalhos entre desenhos, aquarelas e óleos sobre tela, selecionados por Antonio Carlos Abdalla, farão parte da exposição que acontecerá no Mumam – Museu Municipal de Arte de Curitiba, no Centro Cultural do Portão.  Paul Garfunkel nasceu em Fontainebleau, na França, em 1900. Pintor e desenhista, formou-se em Engenharia pela Escola Politécnica de Paris. No final dos anos de 1920, veio para o Brasil, trabalhar na filial de uma indústria francesa e, em 1936, mudou-se para Curitiba para montar uma fábrica de embalagens. Em paralelo a seus empreendimentos empresariais, quase sempre sem grande sucesso, dedicou-se às artes. Incentivado por Guido Viaro, intensificou seu trabalho e integrou o Clube de Gravura do Paraná ao lado de Alcyr Xavier e Nilo Previdi. Em 1956, recebeu o título de cidadão honorário do Paraná. Tem trabalhos em diversos acervos brasileiros e europeus. 

Tom

TomLisboa

O fotógrafo Tom Lisboa, um dos mais respeitados nomes da fotografia contemporânea em Curitiba, está preparando um livro para comemorar seus 10 anos de carreira. Tom, que assina os bem-sucedidos projetos Polaroids Invisíveis, Ficções Urbanas, Brinquedografia e Cinematógrafo, vai mostrar um pouco dos trabalhos desenvolvidos nesta década, entre eles os premiados projetos que misturam fotografia e intervenções urbanas. A obra deverá sair do forno até o final de 2014. 

Caçarola brasileira

Livro_Organicos_-_Capa

O livro Alimentos Orgânicos no Brasil – História, Cultura e Gastronomia, de Eduardo Sganzerla, Rafael Moro Martins e Diego Singh, com a parceria do chef Marcelo Amaral, da editora Esplendor, está entre os seis finalistas do prêmio Gourmand World Cookbooks Awards 2013, na categoria Livro Sustentável. Os vencedores serão anunciados em evento de gala, em maio de 2014, em Pequim, na China. A obra brasileira foi indicada para o maior concurso mundial de livros de gastronomia como melhor livro do gênero no país e concorre com publicações dos EUA, China, Itália, Canadá e Peru. Participam do certame publicações de gastronomia de 126 países. Para finalistas, foram selecionados 350 livros, que disputam a indicação de melhor livro em 70 categorias distintas. O escritor Eduardo Sganzerla comemorou a notícia recebida do presidente do evento, Edouard Cointreau.

Capital country

Foto: Fernando Smak

Foto: Fernando Smak

Curitiba está se tornando a capital country do Sul. Em fevereiro, abre as portas, na Avenida Bispo Dom José, o Shed Western Bar. A casa noturna, especializada em sertanejo universitário, com endereço em Balneário Camboriú (SC) e Campinas (SP), aporta na capital paranaense numa parceria do Grupo Shed com o Grupo Taj. Leão Junior, Sidmarcio Ziroldo e Yuri Piccini agora são sócios de Giocondo Artigas Neto e Leandro Jabur (foto), na nova Shed. Em Balneário Camboriú, a balada está no roteiro de famosos como o jogador de futebol Neymar, o cantor Gusttavo Lima, os atores Bruno Gissoni e Caio Castro, a atriz Suzana Vieira, a apresentadora Helen Ganzarolli, os irmãos do UFC Minotauro e Minotouro, Leonardo Senna, os pilotos Felipe Massa e Rubens Barrichello. 

Gadgets

A maior feira de produtos eletrônicos do mundo ainda é um espetáculo, embora não cause o mesmo frisson de antes. Marissa Mayer e o rapper 50 Cent, Budgee, o robô, o drone Parrot, relógios inteligentes e TVs de tela curva estiveram reunidos numa atmosfera bem Hollywood, na CES – Consumer Electronic Show, a famosa e badalada Woodstock da tecnologia, que reúne todos os anos executivos, pessoal de mídia e sonhadores, para fazer contatos, se exibir e maravilhar com os avanços do setor. A CES tem 167 mil metros quadrados de espaço, 3,2 mil expositores, 152 mil participantes, no centro de convenções de Las Vegas. A CES acontece desde os anos 60 do século passado e já foi palco da apresentação mundial do gravador de videocassete, do CD player, da TV de alta definição e do videogame Xbox. A safra deste ano ficou abaixo do esperado, quando comparada a estes anos históricos, mas, na avaliação dos entendedores, os smartphones amadureceram a ponto de hoje satisfazerem muitas das necessidades e expectativas das pessoas, o que faz com que os novos lançamentos sejam aplicativos e variações para nosso mais amado gadget.

Juril

Juril

A jornalista Regina Kracik Teixeira está finalizando um livro biográfico da colunista curitibana Juril Carnasciali, a pedido de Jayme Canet Júnior, ex-governador do Paraná e grande amigo de Juril. Regina acaba de lançar o livro João e Clara, a Travessia do Amor – a história de João Antonio e Clara Vieira de Andrade, pais do empresário João Antonio Vieira Filho, com quem é casada há 11 anos.

Tim-tim

IMG_132

A enóloga Filipa Pato, uma das mais influentes de Portugal, vem ao Brasil este mês para uma agenda de trabalho em cinco capitais, entre elas Curitiba, a convite das importadoras Porto a Porto e Casa Flora. A winemaker, que preza por vinhos autênticos, dividirá sua estada entre reuniões com representantes, empresários e donos de adegas e restaurantes, que vendem seus vinhos, para explicar e apresentar as mudanças de seus rótulos. Seus compromissos começam no Rio de Janeiro e São Paulo. De lá, vem a Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre. Filipa deverá falar dos brancos, FP Bical & Arinto e Nossa Calcário, dos tintos, FP Baga e Nossa Calcário, e, dos espumantes, Rosé, Rosé Brut Nature e Blanc de Blancs.

Bolos assinados

595_Naked_Cake

Apaixonada por doces e ganhando elogios da família e de amigos a cada bolo que fazia, há pouco mais de um ano a pedagoga Priscila Polatti decidiu fazer da paixão por confeitaria profissão. Assim nasceu a Boleria Santa Clara, em Curitiba, especializada em bolos personalizados. As encomendas – por e-mail e pelas redes sociais – não param de chegar. Apesar de os bolos personalizados em pasta americana estarem no topo das encomendas, outras receitas começam a ganhar o gosto da clientela, como o naked cake, ou “bolo pelado”, os bolos feitos com frutas frescas, sem cobertura e de encher os olhos de tão bonitos. A boleira conta que a qualidade da matéria-prima é essencial para o sabor e a finalização e todas as encomendas são feitas em casa, pela própria empresária, que faz questão de acompanhar as entregas e constatar in loco o resultado.

2.500

Em média, na temporada de verão, a Ópera de Bambu, restaurante  curitibano especializado em caranguejo caiçara, vende cerca de 2.500 caranguejos por noite. Enquanto há uma boa parcela da população que não pode sequer dividir a mesa com os apreciadores das tábuas, martelos e demais apetrechos para a refeição, o número de clientes da casa só aumenta. 

Leia mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *