Isabela França. Ed. 154

microcosmo1-capa

Foto: Mathieu Bertrand Struck

Então, um microcosmo

microcosmo

Foto: Mathieu Bertrand Struck

microcosmo_abre

Foto: Mathieu Bertrand Struck

Há um ano nascia em Curitiba um movimento organizado por meio de redes sociais para a preservação do Bosque Gomm, no Batel. Em julho deste ano, a prefeitura comunicou que o espaço será oficialmente transformado em um microparque para uso da comunidade.

Incorporando a linguagem lúdica das diversas tribos envolvidas no movimento, ao comunicar a decisão, a prefeitura postou em seu perfil do Facebook que o espaço não pretendia preservar o habitat dos Ewoks (espécie de criaturas fictícias do seriado Star Wars). Brincadeiras à parte, a determinação abre o caminho para um novo perfil de espaços públicos.

No Bosque Gomm, a ocupação – usualmente aos sábados – é fruto do movimento comunitário auto-organizado e descentralizado. Com participantes vindos dos mais variados contextos socioeconômicos de aproximadamente 40 bairros da cidade, o movimento se pretende plural.

Que o digam a pequena Alice– dois anos e quatro meses, nascida no aniversário de Curitiba de 2012 – e dona Irene Gomm, também do dia 29 de março, porém quase oito décadas anteriores à Alice. A menina plantou flores e trocou brinquedos no mesmo terreno onde dona Irene passou sua juventude em torno da família de descendentes ingleses, antiga proprietária da área. Hoje, convivem felizes no mais novo parque dos curitibanos.

Doce e promissora Vic

doce-vic

Foto: Arquivo pessoal

Victoria Neiva Leite tem um talento nato para preparar doces e bolos. Como uma brincadeira, na cozinha de casa, começou elaborando receitas simples de bolos e brigadeiros que encantaram a família, depois os amigos e não demorou a conquistar seus primeiros clientes. 

A sensação de aconchego e carinho gerada em torno de um bolo fresco, gostoso e macio é a proposta da Doce Vic, empresa lançada este ano pela estudante de Administração de Empresas de 17 anos. Suas receitas simples parecem aguçar a memória afetiva. Lembranças da infância e sabores genuínos e deliciosos caem perfeitamente com um cafezinho ou para acompanhar aquele momento de agrado, perfeito para quebrar o dia a dia.

Ovos caipira, manteiga, farinha e chocolates puros somados às técnicas caseiras são o segredo. Uma dose de carinho e a menor intervenção possível de máquinas somam-se ao talento e transformam-se em bolos simples e caseiros, recheados e cobertos por um brigadeiro único, especialidade da Doce Vic.

Litercultura 1

Em sua segunda edição, o festival foi dividido em quatro capítulos ao longo deste 2014. O primeiro, realizado em maio, teve como tema Cultura e Futebol, trazendo a Curitiba grandes nomes da literatura e da crônica esportiva. No capítulo de outubro já estão confirmadas as participações do antropólogo e cantor de flamenco Manuel Lorente, reconhecido mundialmente por seu estilo original inspirado nos “cantes”, e do violonista flamenco Raúl Mannola, pesquisador e professor do conservatório de Madri. Para o capítulo final, em novembro, o Litercultura contará igualmente com grandes nomes. Entre os confirmados, estão o escritor português Almeida Faria, José Castello e Antonio Skarmet, que fará abertura da conferência de Deyan Sudjic, diretor do Museu de Design de Londres e uma das figuras mais importantes da teoria da arquitetura na atualidade. 

Mais um

mais-um-(1)

Fotos: NCA Comunicação

No ano passado, o escritor curitibano Gustavo Moreira, 20 anos, lançou Sem Limites, primeiro romance publicado de forma independente. Este ano, o jovem lança Tela Vazia, pela Arte Editora. Este segundo livro terá lançamento em duas datas: no dia 7 de agosto, Moreira lança o romance nas Livrarias Curitiba, do Shopping Palladium, às 19h30, com a participação especial da pianista Doris Heddy Swain Herderico; e no dia 9, na Livraria do Chain, às 10h30, ao som do violinista João Henrique Rodrigues.

Nascido em Curitiba, em março de 1994, Gustavo é formado em Letras-Inglês pela Universidade de Brasília.Seu interesse pela prática literária surgiu aos 14 anos. Participou de concursos literários, sendo premiado no Litercultura com as crônicas “Arte Sem Intelecto” e “Sábado”. Em 2013, publicou seu livro de estreia, o romance Sem Limites, e recebeu o tradicional prêmio “Cultura e Divulgação”, concedido pela Câmara Municipal dos Vereadores de Curitiba. 

Casa nova

Casa-nova

Foto: Alexandre Cardinal

Enquanto as lojas de luxo migram para os shopping centers, há marcas que não abrem mão da originalidade que uma loja de rua pode proporcionar. A Tutu Sapatilhas acaba de inaugurar uma charmosa loja na Al. Carlos de Carvalho, na Praça Espanha. Com projeto da designer de interiores Renata McCartney, a ambientação é no estilo shabby chic e une elementos tradicionais ao artesanal. Além de molduras e peças de madeira delicadas, foram usados elementos industriais, como spots para o balcão e um grande relógio de parede. A vitrine traz ferramentas e acessórios que rementem ao hand made das sapatilhas.

Litercultura

litercultura

Foto: Mario Santos – Porto Editora

Com a conferência “Simplesmente Humano”, o escritor português Valter Hugo Mãe é a atração do Segundo capítulo do Litercultura – edição 2014 do festival literário de Curitiba, dirigido por Manoela Leão, com curadoria de Mário Hélio Gomes, no dia 7 de agosto, na Capela Santa Maria. Ingressos estão sendo distribuídos na bilheteria do teatro. A palestra faz parte da programação do Estação Volvo.

Valter Hugo Mãe é um dos mais reconhecidos autores contemporâneos da língua portuguesa, tendo no currículo os prêmios José Saramago e Portugal Telecom para melhor livro do ano e para melhor romance. Nascido em 1971, Valter Hugo Mãe é licenciado em Direito e pós-graduado em Literatura Portuguesa Moderna e Contemporânea. Publicou os romances: O nosso reino; O remorso de Baltazar Serapião, Prêmio José Saramago em 2007; O apocalipse dos trabalhadores; A máquina de fazer espanhóis, Grande Prêmio Portugal Telecom, categoria melhor livro do ano, e Prêmio Portugal Telecom, categoria melhor romance do ano, em 2012; O filho de mil homens e A desumanização.

A negócios

A corretora de imóveis curitibana radicada em Miami, representante da Engels & Völkers, Denise Gomm Santos veio ao Brasil em julho para dois encontros com investidores brasileiros. Apresentou empreendimentos em Sunny Isles, Edgewater e Brickell para curitibanos e paulistas. Segundo ela, o interesse dos brasileiros ainda persiste nas compras de propriedades nos Estados Unidos, especialmente em Miami. Os juros baixos e as facilidades para estrangeiros ainda continuam interessantes.

O perfil do investidor brasileiro no mercado imobiliário americano está mudando. Os brasileiros continuam procurando propriedades não só para investimento, mas também para passar as férias. As áreas de maior interesse são as regiões turísticas, onde as locações de imóveis para temporadas são permitidas, o que possibilita a rentabilidade com aluguéis de períodos curtos. Além disso, o processo de aquisição de imóvel nos Estados Unidos é mais simples e vários bancos e financiadoras dão preferência a brasileiros.

Aquecedores

aquecedores

A produtora de eventos Cris França, que comanda a Araçá Eventos, doou em julho cerca de 30 aquecedores de ambientes para entidades que atendem carentes. Os equipamentos foram adquiridos para utilização da seleção espanhola em sua breve estada em Curitiba para a Copa do Mundo. A Araçá foi a responsável pela ambientação do Centro de Treinamento do Clube Atlético Paranaense, em Curitiba, onde a seleção da Espanha hospedou-se. Com pouquíssimo uso, os aquecedores foram bem recebidos por casas que atendem crianças e idosos carentes. 

Cortesia

cortesia

Foi pra lá de elogiada a iniciativa do salão de beleza Juju Raphá, na região do Batel, que enviou aos potenciais clientes e vizinhos um arranjo de plantas montado dentro de uma escultura de uma cabeça feminina. O vaso é trabalho da artista visual Tatiana Vieira e foi encomendado especialmente para a ação. Certamente a ideia rendeu parte da nova clientela da casa.

7ª vez

7_vez

Foto: Gerson Lima

Pela sétima vez consecutiva, Luiz Maganhoto e Daniel Casagrande recebem o prêmio TOP 100 Brasil, promovido pela revista Kaza. A dupla estará no badalado resort Summer Ville, em Recife, entre os dias 25 e 28 de setembro, entre os 100 profissionais eleitos pela publicação por seu destaque nacional no segmento de arquitetura e decoração.

Encabeçando o time de paranaenses na lista, Maganhoto e Casagrande aparecem ao lado de outros grandes nomes como João Armentano e Roberto Migotto.

Leia mais

Deixe uma resposta