Frases. Ed. 158

Rodrigo Janot. Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/ABr

“A Justiça de três, quatro anos para cá, não é mais uma Justiça dos três Ps, de puta, de preto, de pobre. Ela está indo em cima do agente político e de corruptor.”

Rodrigo Janot, procurador-geral da República, sobre a atual cena judiciária do país.

 

“É muito mais fácil punir um jovem preso com cem gramas de maconha do que um agente público ou um empresário que comete uma fraude de um milhão.”
Luis Roberto Barroso, ministro do Supremo Tribunal Federal

 

“O que é isso? Em que país vivemos? Os bandidos perderam a noção das coisas! Como podem se apropriar desse montante?”
Desembargador Walter de Almeida Guilherme, que atua no STF na condição de ministro convocado, sobre a roubalheira na Petrobras

 

“É como se um quadro da CIA fosse indicado para comandar a KGB.”

Aécio Neves sobre a indicação de Joaquim Levy para o Ministério da Fazenda.

 

“Diante do Petrolão, Mensalão seria julgado em Pequenas Causas.”
Gilmar Mendes, ministro do STF.

 

“Alberto Yousseff? Nunca vi. Nem sei quem é.”

Humberto Costa, famoso pelo cognome “Patativa de Pernambuco”, líder do PT no Senado, acusado pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa de ter recebido R$ 1 milhão do esquema corrupto da estatal.

 

“A elite sabe o que perdeu, o que deixou de ganhar, e ela não quer, não pode permitir que isso continue. Por isso esse ódio que enfrentamos na eleição e que a imprensa traduziu de maneira tão terrível contra nós, fazendo a cabeça do nosso povo.”
Gilberto Carvalho, ainda secretário-geral da Presidência da República.

Deixe uma resposta