Frases. Ed. 172

“Avalie bem, com calma, se vale a pena continuar no inferno que você está vivendo agora.”

Fernanda Montenegro, sobre o que gostaria de falar a Dilma Rousseff, no El País online.

 

 

“Ou se muda o sistema de transporte de Curitiba ou teremos crise eterna. Coragem prefeito”.

De Roberto Requião, senador.

 

 

“Estou muito indignado com denúncias levianas e infundadas, sem nenhum elemento concreto (…) Parece que virou moda, qualquer um que é pego praticando algum ato de corrupção, algum ato ilícito, diz ‘ah, isso é para campanha eleitoral’”.

Do governador Beto Richa.

 

 

“Apesar da campanha de boatos e falsas denúncias de que tem sido alvo, Lula não responde a nenhuma ação judicial, porque sempre atuou dentro da lei, antes, durante e depois de ser presidente do Brasil.”

Trecho de nota divulgada pelo Instituto Lula.

 

 

“A liderança do PMDB não pode se transformar num assessor do governo ou alguém que represente o governo. Não pode ser nem de governo, nem de oposição”.

Eduardo Cunha, presidente da Câmara Federal.

 

 

“Não se preocupem com a falta de recursos. Nossos adversários também não terão. Não haverá planos mirabolantes de marketing na TV”.

Gilberto Kassab, ministro das Cidades, em evento do PSD.

 

 

“Temos muitos problemas menos um neste momento, a oposição. A oposição saiu de férias”.

Do ministro Jacques Wagner, da casa Civil.

 

 

“Esquece delação, não tem delação. Não precisa neste caso porque entendemos que temos condições de fazer uma ótima defesa dele”.

Do advogado Antônio Figueiredo Bastos, da defesa do senador Delcídio Amaral, do PT.

 

 

Deixe uma resposta