Sensibilidade em grau máximo

Um baú de histórias divertidas, um sem-fim de relatos comoventes. Risadas, lágrimas, gargalhadas, soluços. A intensidade de contar coisas e a rouquidão de ouvir tudo. A vontade de encontros e a necessidade do ninho. Sensibilidade em grau máximo, tudo levado às últimas consequências. E tudo sinceramente usado como material de trabalho; no palco, atuando, nos bastidores, produzindo ou na cozinha, inventando.
Inês Gutiérrez é atriz, produtora, doceira de mão cheia, pau pra toda obra. Divertida, inteligente, sorriso fácil, sempre está envolvida com algum trabalho que atiça o público e melhora a vida. Ela é uma dessas guardiãs e promotoras da nossa cultura, pessoa que faz trabalho de formiguinha e que garante nossa identidade.
No palco ou na coxia, Inês é viva, muito viva e merece nosso aplauso.

A. S.

ines

Inês Gutiérrez. Foto: Acervo pessoal

Deixe uma resposta