Manifestantes do MST garantem continuidade de acampamento em Curitiba

acampamentomst1

Foto: Repórter Flávia Barros, da Banda B

Da Banda B

O barracão montado pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) segue em pé na manhã desta quinta-feira (9), ainda sem prazo para que seja retirado da frente da sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).Os trabalhadores ocupam a quadra da Rua Doutor Faivre, entre a Av. Sete de Setembro e Visconde de Guarapuava, no Centro de Curitiba.

Em entrevista à Banda B, que esteve no acampamento nesta manhã, os trabalhadores reclamaram do frio e garantiram ter o apoio da população.“O frio foi grande, foi difícil, mas estamos aqui atrás de nossos objetivos. Esperamos que seja resolvida a questão da Reforma Agrária. Nós queremos sair com uma solução certa. O pessoal aqui está nos apoiando. A população está do nosso lado”, disse um dos manifestantes, que preferiu não se identificar.

Para se aquecer, o grupo tomou muito chimarrão e usou cobertores que foram levados pelos mais precavidos. Embora garantam apoio da população, quando a reportagem esteve no local motoristas buzinavam e criticavam a ação do MST. Além disso, comerciantes e moradores da região reclamam que estão acuados e serão prejudicados pelo movimento.

 

Conab

Integrantes do MST também invadiram na tarde de ontem a sede da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), em Curitiba. Segundo funcionários da instituição, localizada na Rua Mauá, no Alto da Glória, alguns membros ficaram do lado de fora da sede, enquanto outros chegaram a entrar nas salas. O acampamento segue nesta quinta-feira.

Veja as fotos clicando aqui.

Leia mais

Deixe uma resposta