Silvia Edla von Buettner Ravache, a Vica

Meu primeiro amigo foi uma amiga. Eu devia ter 7, 8 anos e ela um pouquinho mais: 9, 10 anos. Eu a conheci quando a família dela comprou a casa ao lado da nossa. Uma casa grande com um belo quintal, duas araras, dois cães bassês e muitos pombos. A família viera de Brusque (SC), o Sr. Walter, a D. Edla e seus irmãos mais velhos, a Renate e o Roberto. A linda menina Silvia, Vica, como a chamavam em casa, loirinha com diáfanos olhos azuis, logo me conquistou. Brincamos muito, tanto na minha casa como na dela. Na adolescência nos perdemos de vista.

Vica estudou no Sion, no Santa Teresinha, no Educação Familiar, cursou o Cape onde se diplomou em artes plásticas aplicadas para a educação. Mais tarde frequentou o Museu Alfredo Andersen onde aprendeu cerâmica, pintura a óleo e aquarela. Poliglota, além do alemão falado em casa, domina espanhol, inglês, francês e italiano.

Globetrotter, viajou e viaja pelo mundo com a constância de um culto dominical. Estados Unidos e Europa eram e ainda são os destinos mais frequentes. Esteve no Oriente Médio, em vários países africanos e asiáticos, no Alasca e na longínqua e fria Groenlândia.

Em Paris trabalhou como relações públicas da afamada casa Raoul et Curly 47, avenue de l’Opéra, butique e perfumaria, hoje extinta. Grande fã de esportes ‒ foi Campeã Paranaense de Amazonas pela Sociedade Hípica Paranaense ‒, fez amizade e conviveu com vários ídolos da Fórmula 1, acompanhando-os em vários circuitos.

Apaixonada pelas artes, notadamente música e teatro (é prima da atriz Irene Ravache), acompanha de perto as apresentações no Brasil e no exterior. É mãe de uma filha, Natália Ravache Morozovicz, cujo pai é o afamado maestro Norton Morozovicz, meu amigo e colega de colégio.

Ficamos muitos anos sem nos ver. Graças aos queridos amigos Fernando e Marie Céline Delespinasse Bini, voltei a encontrá-la. Como dizia o Nelson Rodrigues sobre o amor, que se acabar não era amor, pois este é eterno, o mesmo vale para a amizade.

Texto e foto: Dico Kremer

Deixe uma resposta