Eu, Maringas Maciel

Atividade profissional: atualmente fotógrafo.   Atividades outras: de produtor a palpiteiro, brinco nas onze.   Principais motivações: inspirar, expirar, inspirar, expirar.   Qualidades paradoxais: passar desapercebido.   Pontos vulneráveis: o Coritiba.   Ódios inconfessos: gente que mente constantemente.   Panaceias caseiras: banana amassada com aveia.   Superstições invencíveis: jogar sempre os mesmos números na Mega Sena (essa superstição continua invencível, mas…). […]

Continue lendo »

Cinema. Ed. 218

Na cinemateca de Francisco Mallmann Francisco Mallmann atua na intersecção entre poesia, performance, dramaturgia, filosofia e crítica de arte. É artista residente da Casa Selvática, onde idealizou a Membrana, uma “grupa” crítica-afetiva de escritores, ouvintes e leitores. É idealizador e editor do site sobre artes cênicas Bocas Malditas. Está entre os finalistas do Prêmio Rio deste ano, e ficou em […]

Continue lendo »

Além do Papai Noel

Em outros tempos, nesta mesma coluna, revisitei músicas natalinas. Deixei num lugar, trancafiada, guardada, presa, trancada, encarcerada, a música que se popularizou na voz de Simone, “Então é Natal”, em 1995 e desde então atormenta todo mundo em dezembro, e passeei por composições menos irritantes que tratam do tema. Nesse caminho, encontrei composições tristes, de crianças pobres que esperam por […]

Continue lendo »

Destino: amanhecer em Antonina

Antonina existe, está no mapa, tem rádio, prefeito, igreja, bordel, escola, restaurante. Tem ruas, praça, calçada e até semáforo – um só, mas está lá: atenção, pare, siga. Tem lojas, farmácia, peixaria e mercado. Tem música, lendas, apelidos e carnaval. Tem água, barcos, porto, trilhos, árvores e flores. Tudo muito tátil, muito ao alcance das mãos, dos olhos. Mas a […]

Continue lendo »

Os irmãos Lumière

Louis (1864-1948) e Auguste (1862-1954) Lumière, químicos, inventores e industriais franceses, são considerados os inventores do cinema, pois em 1895 promoveram em Paris a primeira exibição pública paga em 28 de dezembro. A um franco o ingresso, exibiram um programa iniciado com “Saída das fábricas Lumière” para uma plateia lotada de 35 espectadores e, com o sucesso, as exibições não […]

Continue lendo »
1 2 3