David Carneiro também exibidor

jensen

David Antônio da Silva Carneiro (Curitiba 1904 – 1990) foi historiador, escritor, ensaísta, pesquisador, museólogo, colecionador e professor universitário. Um lado pouco mencionado era o de um cinéfilo apaixonado e empresário cinematográfico. O que motivou sua entrada neste segmento foi a construção de um “arranha-céu” de seis andares, como eram chamados os edifícios na segunda metade dos anos 30, quase […]

Continue lendo »

Endereço: MPB

adriana

“Nove gerações de mulheres sucederam-se entre essas paredes. A casa supostamente me pertence. Já paguei por ela, deveria ser minha. Mas não. Na verdade, uma casa nunca pertence. Escapa à propriedade. Ela é do tempo. (…) É uma instalação, em todos os sentidos da palavra. Instala-se a mulher, os filhos e o dinheiro”. (MARGUERITE DURAS) A casa própria é quase […]

Continue lendo »

Editorial. Ed. 187

Quando o brasileiro estava farto do noticiário que se confunde entre o policial e o político e exigia ações mais efetivas, o ministro Edson Fachin soltou a lista a causar tremores que nenhuma escala Richter seria capaz de medir. Nos dias 11 e 12 de abril, os jornais, portais e blogs estamparam explicações pra lá, notas pra cá. Os políticos […]

Continue lendo »

Cinema. Ed. 186

cinema 0 abre

Rio, 40 Graus (1955) Como muitos sabem, Glauber Rocha foi a grande liderança do Cinema Novo no Brasil, Deus e o diabo na terra do sol (1964) não foi seu primeiro trabalho, mas, definitivamente, é o marco para esse tipo cinematográfico. Antes da chegada desse filme e de outros de mesmo estilo, Rio, 40 graus, de 1955, foi embrionário e […]

Continue lendo »

Prateleira. Ed. 186

prateleira 0 abre

Apenas escrever “Se eu não tivesse escrito teria me transformado numa alcoólatra sem cura.” Disse Marguerite Duras no livro Escrever. Lá, entre tantas linhas e letras bem orquestradas, ela escreveu sobre si, como em grande parte de seus livros. Porém, essa escrita de si traz mais da ficção e do reconhecimento do alheio do que se imagina. Este livro, que […]

Continue lendo »

Cinema. Ed. 185

cinema

Tempos Modernos (1936) O clássico que sempre é identificado. Filme que traz a figura do personagem “O Vagabundo” do reconhecido e sempre compartilhado Charlie Chaplin. Tempos Modernos marcou a história do cinema e também intensificou a crítica ao contexto da década de 30 e o que viria a seguir. Crescimento do capitalismo, stalinismo, nazifascismo e imperialismo. É imponente ao mostrar […]

Continue lendo »

Frases. Ed. 186

frases

“Faça concurso para juiz.” Do juiz Sergio Moro para o advogado de Palocci que questionou a postura do magistrado. “Eu não era o dono do governo, eu era o otário do governo. Eu era o bobo da corte do governo.” Do Marcelo Odebrecht sobre o governo Dilma. “Vamos fazer um mea culpa. Mas quem faz política não pode ser comparado […]

Continue lendo »

Curtas. Ed. 186

curtas

VIDA FÁCIL O senador Alvaro Dias recusou a polpuda aposentadoria dada aos ex-governadores, por considerá-la imoral, mesmo que seja legal. É o único ex nativo que não recebe e luta para acabar com sinecura de alto custo para o erário. Em crise financeira, os governos estaduais gastam pelo menos R$ 35,8 milhões por ano com o pagamento de pensões a […]

Continue lendo »
1 2 3 57