O quarto em Arles

Entenda o revolucionarismo conservador do pintor holandês   Certamente estamos diante de uma das obras mais contestadoras da história da arte. Basta um olhar um pouco mais clínico para perceber o teor político de seus elementos. A primeira questão, no entanto, diz respeito à propriedade do quarto. Especialistas garantiram que se trata de uma representação do quarto de Van Gogh, […]

Continue lendo »

Prateleira. Ed. 222

As hortênsiasO livro de Felisberto Hernández traz uma novela e três contos de um dos maiores escritores uruguaios do século XX. “As Hortênsias” narra a obsessão de Horacio pela observação de bonecas chamadas Hortensias, cada vez mais parecidas com mulheres de carne e osso. Ele as expõe em vitrines e as faz personagens de histórias que inventa para elas. Em […]

Continue lendo »

Quebramos a cara!

Até aqui, nada mudou, infelizmente: a prepotência do governo e sua vocação mussoliniana, a espinha mole dos parlamentares, a insistência do baixo clero no toma lá dá cá. Mas há uma novidade: o povo abre os olhos. Jair Bolsonaro está em queda nas pesquisas. Para uma boa parcela dos que acreditaram no capitão como tábua de salvação, chegou a hora […]

Continue lendo »

Com uma mão se lava a outra

Esta frase resume preceitos de solidariedade, dando conta de que as ajudas devem ser mútuas. Foi originalmente registrada no parágrafo 45 do romance Satyricon, do escritor latino Tito Petrônio Arbiter (século primeiro a.C.), transposto para o cinema pelo famoso cineasta italiano Federico Fellini (1920-1994). Em síntese, o romance narra a história de um triângulo amoroso, envolvendo dois rapazes apaixonados por […]

Continue lendo »

Coesão textual

Sempre tive problema com coesão textual nas minhas redações escolares. Nunca fui um destaque da escrita no colégio. Meus professores e minhas professoras, hoje tenho a impressão, exigiam de mim uma escrita fluida, concentrada e nada hermética. Imagino que eles tinham como modelo o romance do século XIX. Eu nasci em 1992, eles não entendiam isso. Sou a primeira geração […]

Continue lendo »

O primado do desprezo

Nunca tivemos tanto desprezo pela ciência como agora a despeito da ocorrência da pandemia da Covid-19 que obriga a essa atmosfera de sonambulismo em escala universal. Há quem acredite que esse surto pode servir de alerta ao eleitorado que vê a ciência como tema secundário na hora de escolher um governante, questão levantada por Rodrigo Soares, mestre de Columbia, economista […]

Continue lendo »
1 2 3