Gleisi e o marido Paulo Bernardo indiciados pela Polícia Federal

Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo. Foto: Divulgação

 

Fonte

A senadora ex-ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann (PT-PR), e o ex-ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, foram indiciados hoje por corrupção passiva pela Polícia Federal, no âmbito da Operação Lava Jato.

A senadora é apontada pela Polícia Federal como beneficiária do esquema de corrupção na Petrobras. O doleiro Alberto Youssef afirmou, em delação premiada, que deu R$ 1 milhão para a campanha de 2010 da então ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffman (PT-PR). De acordo com o doleiro, a entrega do dinheiro foi feita em quatro parcelas: três em um shopping e outra na casa dele, em um condomínio de alto padrão da capital paranaense.

Deixe uma resposta