TEICH PEDE DEMISSÃO

O ministro da Saúde Nelson Teich pediu demissão nesta sexta-feita (15), após o presidente Jair Bolsonaro dar um ultimato sobre o uso da cloroquina, sem eficácia comprovada por estudo científico.

Teich já não tinha o controle da pasta e Bolsonaro estava insatisfeito e interferindo em decisões como a lista de serviços essenciais.

Teich é o segundo ministro a deixar a Saúde em meio à pandemia. Juntamente com o impasse sobre o isolamento social, divergências sobre a aplicação da cloroquina e da hidroxicloroquina em pacientes da Covid-19 foram um dos principais pontos que levaram à demissão de Mandetta, em 16 de abril.

Deixe uma resposta