2020: uma odisseia na terra

Sabe aquele filme que você começa a assistir por causa do título ou porque algum gaiato te indicou, mas assim que se inicia você já se arrepende, pois não era o que você esperava. Naquele dia você não está nem pra drama nem pra tragédia, queria dar boas risadas, mas o desenrolar do filme te deprime? 

Sabe aquele livro que você começa a ler porque o título te chama a atenção, mas na medida em que começa a ler percebe a furada que você entrou e vai pulando páginas, dando uma folhadinha desanimada, indo logo pro final pra ver se a história melhora? 

Sabe aquela piada longa, que pode até ser engraçada, mas o contador não tem habilidade pra te prender, enchendo de detalhes desnecessários, sem a entonação adequada e que no final ele ri mais do que você? 

Sabe aquele primeiro encontro, cheio de expectativas, já marcado e remarcado, e que finalmente acontece? No dia cai um dilúvio, ela chega com uma hora de atraso, você já esta na terceira dose de uísque, mas tudo bem, ela está ali, linda, perfumada e o cabelo, mesmo com a chuva, está com uma chapinha impecável. Só que quando ela abre a boca, vem um sotaque de pato branquense, acompanhado de um bafo de múmia reencarnada 3 vezes!

Sabe aquela aula de matemática com aquele professor arcaico, que serviu de garçom na santa ceia e que pelo desgaste do tempo é traído pela memória constantemente e diz que a hipotenusa é a soma do cateto adjacente com o cateto oposto, dividido pelo quadrado da soma do seno e do coseno? 

Sabe aquele jogo de futebol entre dois times que se classificam com o empate e que ainda de lambuja prejudicam um terceiro que é arquirrival? 90 minutos de bola só para o lado, sem objetividade nenhuma, sem passar do meio de campo, o único chute a gol foi uma atrasada do zagueiro para o goleiro que quase entra, com a torcida fazendo aquele uuuuuh!, chegando a acordar os que dormiam tranquilamente. 

Então, sabe 2020? Pode escolher o que será. Um filme chato, um livro sem conteúdo, uma piada sem graça, uma aula confusa, um encontro frustrante, ou um jogo sonolento? Pode escolher, pois o enredo já esta pronto. 

Deixe uma resposta