Prateleira. Ed. 141

Zum – revista de fotografiaDico Kremer O Instituto Moreira Salles publica duas revistas que se pode chamar de livros: Serrote, revista de ensaios, artes visuais, ideias e literatura, que sai três vezes por ano, e Zum, revista semestral de fotografia. A primeira já vai em seu número 13 e a Zum em seu quarto número. Duas publicações primorosas. Na edição […]

Continue lendo »

Janelas do Dico Kremer

Em abril, nosso diretor de fotografia, Dico Kremer, baixou hospital. Isso o impediu de preparar o ensaio do mês, quando ele escolhe um trabalho significativo de fotógrafos desta e de outras áreas do planeta. Mas Dico Kremer não nos faltará neste número. Ao contrário, aproveitamos para publicar as imagens deste ensaio antológico. São fotos que Dico Kremer tirou em Lisboa, […]

Continue lendo »

A Veneza de Joseph Brodsky

É com uma espécie de encantamento beirando o lugar comum que as pessoas de um modo geral e os maus escribas em particular falam de Veneza. A antiga Sereníssima República tem seus ardorosos defensorespara os elogios mais oblíquos e seus detratores para as críticas mais abstrusas. O que faz Veneza tão especial se não é a única cidade em meio […]

Continue lendo »

“Musashi” de Eiji Yoshikawa

Foi no século XIX que a literatura de ficção em capítulos, feuilleton em francês, serial story em inglês, começou a sua mais ou menos breve carreira e a despertar o interesse do leitor. Encartada nas folhas dos jornais eram acompanhadas avidamente por gentis senhorinhas, galantes senhoras, sisudos senhores, jovens janotas, todos, enfim. Era a novela, hoje televisiva e que antes […]

Continue lendo »

Um olho que se move

O olho aproxima-se da ocular e procura o enquadramento. O que está prestes a ser fotografado, o que se apresenta em frente da objetiva, na visão subjetiva do fotógrafo, guia a composição. Nesse momento a memória fotográfica do autor vai em busca, inconscientemente ou não, de uma referência. Referência essa que pode ser do que viu, do que já fotografou […]

Continue lendo »

Um pioneiro

Quando alguém for escrever a história da moderna fotografia em Curitiba certamente o primeiro nome a ser lembrado é o de José Kalkbrenner Filho. O Kalk, hoje aposentado, passou por várias atividades dentro dessa profissão da qual é um pioneiro. Entre 1945 e 1952 começou com o Carlos Boutin num aprendizado em laboratório: revelação de negativos, provas contato, cópias, ampliações. […]

Continue lendo »

Aula sobre o olhar

Flávio Damm, 82 anos de idade e 65 de fotografia é um dos mais importantes e criativos fotógrafos brasileiros. Gaúcho de nascimento e carioca de coração, jornalista, documentarista, autor de 19 livros, colunista da revista Photo Magazine, verbete do Dicionário Nungesser de Fotografia (Berlim, Alemanha), editor de livros, autor de vários projetos culturais, com um sem número de exposições no […]

Continue lendo »

Fora da pauta

Para quem acompanha o trabalho do fotojornalismo o nome de Sérgio Sade dispensa apresentação. Mas não é só na fotografia para a imprensa que ele se destaca. Transita facilmente por outras atividades fotográficas sempre com brilho. Criança, fazia de sua Kapsa um visor para melhor enquadrar o mundo. Do jornal do centro acadêmico do curso de Jornalismo da UFP — […]

Continue lendo »

Invernais

As fotografias aqui publicadas fazem parte de um projeto de livro chamado “Invernais” que concebi no Monte Estoril, Portugal, onde morei entre 1990 e 1997. Tanto lá em Portugal como cá no Brasil andei de Herodes a Pilatos mas não consegui patrocínio para a publicação. Aqui está uma amostra das 80 fotografias selecionadas, de aproximadamente 500 tiradas e um excerto […]

Continue lendo »
1 7 8 9