Nocaute

Inicialmente sorria. Irritou-se, cenho franzido depois. Também seguiu pelos corredores, café, bate-papo, cigarro e bocejo. Dois ou três minutos do clique até o Word abrir. A espera pelo Google e para conferir e-mails ultrapassava cinco, seis, sete minutos. Disse para si mesma que nesses intervalos poderia ler a Ilíada, Dom Quixote, Moby Dick e Alice no país das maravilhas. E […]

Continue lendo »

Jógi

Jógi está na sala, cortinas fechadas, só. Sozinho ele fala o tempo passa lentamente há tantos dias, isso não é castigo, talvez um pouco, completa. O estoque de bebida e comida pode durar, dependendo da fome e da sede, três, quatro semanas. Um luxo, comenta para si mesmo Jógi nesta temporada de assim estar, maio. Notícias na tela do celular, […]

Continue lendo »

Joana e Georgia

Aceclofenaco a cada doze horas e paracetamol mais fosfato de codeína de seis em seis horas. Dessa maneira Geraldo faz a marcação de seus dias recentes e as noites que segue acordado desde que elas, as duas, se foram. Por muito tempo, companheiras inseparáveis dele. Viajaram, juntos estiveram em praias, saunas, montanhas, piscinas, mares, restaurantes, quartos de hotéis e pousadas […]

Continue lendo »

O Ex-Poeta

Já não lembro o período em que trabalhei na Mais Laiquis. Há três, cinco, dez, quinze, vinte anos? Mais? Menos? E importa precisar ao certo quando? Se a experiência foi ótima ou não? Difícil fazer uma análise hoje, mas tem um episódio inesquecível que pode revelar parte do funcionamento da empresa – apesar de que nunca compreendi como ela era […]

Continue lendo »
1 2 3 4