Diário da quarentena

Palavra do presidente da Academia Paranaense de Letras, Ernani Buchmann: “Diário da Quarentena”, de Dante Mendonça, é um livro que você abre e lê sem parar até o fim. Uma delícia de ler. Dante é um talento da narrativa bem humorada e muito bem escrita. Não por acaso faz parte da Academia Paranaense de Letras. Tania Buchmann não só me fotografou […]

Continue lendo »

Os engenheiros do caos

“Os engenheiros do caos”, de Giuliano da Empoli, vai além da análise dos líderes do populismo de nossa época para mostrar os bastidores da construção de políticos de sucesso como Trump, Boris Johnson ou Jair Bolsonaro pelo uso “eficiente” das redes sociais. Empoli mostra como os fake news, as teorias da conspiração e os algoritmos são usados para disseminar ódio, […]

Continue lendo »

Mais história

Os irmãos Lumière, inventores do cinema (ver número 218 da revista) o consideravam de interesse apenas científico, não imaginaram suas potencialidades artísticas. Georges Méliès estava entre os espectadores maravilhados da primeira apresentação de cinema no “Grand Café” em Paris. Tentou comprar o cinematógrafo, mas os Lumière recusaram. Comprou um aparelho análogo, e como vinha do teatro, criou o espetáculo cinematográfico. […]

Continue lendo »

Pré-Cinema

Voltamos ao século 19, nos tempos de Edison que patenteou o Kinetoscópio, em 1891, desenvolvido por Willian K. L. Dickinson engenheiro-chefe do Laboratório de Edison. Este caixotão possuía um pequeno visor individual ao qual se podia assistir imagens em movimento, mediante a inserção de uma moeda. Dado ao tamanho limitado da telinha as imagens disponíveis eram de animais amestrados, cômicos, […]

Continue lendo »

Tainha recheada

Meu improvável turismo aconteceu no outono do ano passado quando aceitei convite de um amigo para aventura pela baía. Embora não tenha aptidões náuticas, está em mim certa sedução em largar terra firme vez ou outra, a começar pelo rum, que sempre está presente nesse tipo de passeio. Embarcados, acompanhados por capitão e copeira, passeamos pela Baía de Paranaguá por […]

Continue lendo »

Prateleira. Ed. 222

As hortênsiasO livro de Felisberto Hernández traz uma novela e três contos de um dos maiores escritores uruguaios do século XX. “As Hortênsias” narra a obsessão de Horacio pela observação de bonecas chamadas Hortensias, cada vez mais parecidas com mulheres de carne e osso. Ele as expõe em vitrines e as faz personagens de histórias que inventa para elas. Em […]

Continue lendo »
1 2 3 72