Cinema. Ed. 160

Chico Buarque de Hollanda, Maria Bethânia, Nara Leão e Hugo Carvana em cena do Filme “Quando o carnaval chegar” Hawking nas telasFoto: Reprodução/site omelete.uol.com.br Em todos os jornais, revistas, etc. e tal que surge um filme para sugestões, o mínimo que se espera do jornalista é tê-lo assistido e não considerar, sobretudo, seu gosto pessoal, e sim o filme em […]

Continue lendo »

Cinema. Ed. 159

Cena do filme “Os pássaros” Os pássarosFoto: Reprodução/site solarmovie.is As pombas de Curitiba que são odiadas passarão a ser temidas – pelo menos por uns dias após assistir Os Pássaros, de Alfred Hitchcock.O filme voltou às telas no cinema Itaú, no shopping Cristal.De 1963 – ano do lançamento – até 2014 muita coisa mudou nas películas, são mais de cinquenta […]

Continue lendo »

Cinema. Ed. 157

Cena do filme “Relatos Selvagens” Parece série, mas é filmeFoto: Reprodução/site adorocinema.com O novo filme que está a ser comentado na Boca Maldita é o argentino Relatos Selvagens. A crítica insiste em associá-lo ao nome de Pedro Almodóvar, que atua na produção, tem lá seu mérito, um ganhador de Oscar não dá para desprezar, mas o nome que caracteriza a […]

Continue lendo »

Cinema. Ed. 156 – Kubrick da fotografia ao cinema

Em junho de 2012, assisti  a uma exposição do Stanley Kubrick, craque do cinema que dispensa qualquer apresentação, no Museu de Belas Artes de Bruxelas. Naturalmente, entrei a achar que encontraria tudo sobre sua vida e sobre sua vida como cineasta, em partes acertei. Vários textos contavam sua trajetória pessoal, obviamente a mesclar com seus filmes, porém o protagonista não […]

Continue lendo »

Cinema. Ed. 155

Azul é a cor mais polêmica Talvez sórdido, o filme La vie d’Adèle, em português Azul é a cor mais quente, trouxe polêmica depois do lançamento no ano passado. Com direção do franco-tunisiano Abdellatif Kechiche, a intensidade das filmagens desagradou o elenco e a comunidade LGBT.O roteiro foi inspirado na história em quadrinhos Le bleu est une couleur chaude, de […]

Continue lendo »

Prateleira. Ed. 154

Cena do documentário “Uma noite em 67” Cerejeiras em florDico Kremer O filme é alemão, dirigido por Doris Dörrie. O título é duplo: Hanami, Kirschblüten. Hanami, palavra japonesa, consiste de dois kanjis: o primeiro, hana, é flor e o segundo, mi, é do verbo miru, ver. Ver as cerejeiras em flor. Die Kirschblüte, plural em n, flor das cerejeiras, florescência. […]

Continue lendo »

Cinema. Ed. 153

Pelé Eterno Pelé nas telas não foi tão bem quanto Maradona. Se os argentinos querem considerar Dieguito melhor que o Rei, podem fazê-lo no cinema, e só. Pois não há possibilidades de o argentino competir com esses números: 21 anos de carreira, 1.375 partidas, 1.281 gols; muito menos com esses títulos: dez anos consecutivos artilheiro do Paulistão, Pentacampeão da Taça […]

Continue lendo »

Cinema. Ed. 151

A Bela da Tarde Revi A Bela da Tarde, de Buñuel. Pois, pois, percebi que a racionalização completa que muitos críticos, analistas e psicólogos já tentaram, é infrutífera. Não como matéria para debate, pois aí sim muita coisa interessante pode sair, mas sim como tentativa de rotulagem, como carimbo, como algo definitivo. Grande parte das obras-primas de Luis Buñuel ultrapassam […]

Continue lendo »
1 9 10 11 12