Editorial. Ed. 176

Michel Temer recebeu de Dilma Rousseff um Brasil afundado em um rombo de R$ 176 bilhões de déficit público. Se fosse uma empresa privada, estaria falida. Mas países não vão à falência. Amargam a crise e repassam o pior dos infernos para a população. Com mais de 11 milhões de desempregados, 22% a mais do que em dezembro e quase […]

Continue lendo »

Editorial. Ed. 175

Espalha-se a crença de que a lassidão moral é um fenômeno generalizado. A sociedade estaria completamente minada. Há jornais dispostos a demonstrar que todo político patina eticamente nessa choldra que a Lava Jato pôs a nu, revelando um sistema de corrupção de proporções incríveis. Tudo bem, como soem repetir as almas parvas. Onde se puxa uma pena, vem uma galinha, […]

Continue lendo »

Editorial. Ed. 174

O PT é um cadáver insepulto, malcheiroso, ainda a crescer unhas e pelos. É velado no Palácio do Planalto, pranteado no Palácio do Alvorada e em todos os prédios públicos onde ainda se encontra instalado. Quanto tempo vai durar o velório? Impossível responder. Há manobras políticas e jurídicas que sempre podem adiar o enterro. Do tipo Lula virar ministro, Dilma […]

Continue lendo »

Editorial. Ed. 172

Vivemos neste Brasil brasileiro uma espécie de corrente da infelicidade, pela qual todos se merecem, votantes e votados. A moral da história é a decadência de um país que pretendeu ser do futuro e foi bem melhor no passado. Este início de ano poderia ter sido muito pior.  Começou com péssimos presságios de turbulência política e institucional, como se diz […]

Continue lendo »

Editorial. Ed. 171

Que o Brasil não é para amadores já tínhamos sido avisados pelo Belmiro Valverde Jobim Castor. Mas nem ele, em toda a sua inteligência, imaginaria que chegaríamos a tanto nesta quadra de crise que expõe ao mundo todas as nossas mazelas. Da corrupção desenfreada aos equívocos nacionalistas e estatizantes da corja que empalmou o poder há 13 anos. A tarefa […]

Continue lendo »

Editorial. Ed. 170

Agora a Argentina tem o Papa Francisco, tem o Messi e tem um presidente da República. Tem mais, muito mais. Tem esperanças de sair do caos populista para a modernidade. Enquanto isso, nós, brasileiros e brasileiras, continuamos a amargar os efeitos devastadores de 13 anos de petismo. Recessão, desemprego, inflação ascendente e a triste constatação de que somos governados por […]

Continue lendo »

Editorial. Ed. 169

Fábio Campana   “A história acontece primeiro como tragédia, depois se repete como farsa.” A frase é de Karl Marx, no “O 18 Brumário de Luís Bonaparte”. Refere-se à sucessão de dois Bonapartes à frente de governos de exceção na França. O primeiro, Napoleão, foi uma tragédia. O segundo, Luís, foi uma farsa. O terrível é quando tudo se repete […]

Continue lendo »

Editorial. Ed. 167

O Paraná deu a volta por cima e voltou a investir. Saiu da crise pela força de um ajuste fiscal rigoroso que provocou os maus bofes da população e permitiu a setores organizados e ruidosos, como o movimento dos professores, capitalizar a reação popular em favor de suas reivindicações. Mais. A APP-Sindicato, dos professores, braço armado do PT nativo, levou […]

Continue lendo »
1 3 4 5 6 7 8