Além do Papai Noel

Em outros tempos, nesta mesma coluna, revisitei músicas natalinas. Deixei num lugar, trancafiada, guardada, presa, trancada, encarcerada, a música que se popularizou na voz de Simone, “Então é Natal”, em 1995 e desde então atormenta todo mundo em dezembro, e passeei por composições menos irritantes que tratam do tema. Nesse caminho, encontrei composições tristes, de crianças pobres que esperam por […]

Continue lendo »

Destino: amanhecer em Antonina

Antonina existe, está no mapa, tem rádio, prefeito, igreja, bordel, escola, restaurante. Tem ruas, praça, calçada e até semáforo – um só, mas está lá: atenção, pare, siga. Tem lojas, farmácia, peixaria e mercado. Tem música, lendas, apelidos e carnaval. Tem água, barcos, porto, trilhos, árvores e flores. Tudo muito tátil, muito ao alcance das mãos, dos olhos. Mas a […]

Continue lendo »

Destino: a fé de Salvador

Não tem como negar, a cidade de Salvador é, para mim, um estado. De espírito. Lugar que povoa minha imaginação de forma muito descolada da realidade de uma metrópole em que quase três milhões de pessoas vão e vêm. A Salvador de toda minha vida tem baianas do tempo do imperador; acordam em trajes brancos, rendados, rodados e adocicam tudo […]

Continue lendo »

O populismo trajado de liberalismo
ou vice-versa ou nenhum dos dois, só o populixo

populismo: s.m. Prática política de adotar a defesa dos interesses das classes menos favorecidas com o propósito de conquistar a simpatia e a aprovação popular / Simpatia pelo povo liberalismo: s.m. Doutrina cujas origens remontam ao pensamento de Locke (1632-1704), baseada na defesa intransigente da liberdade individual, nos campos econômico, político, religioso e intelectual, contra ingerências excessivas e atitudes coercitivas […]

Continue lendo »

“O meu apoio ao Moro é maior do que nunca”

Senador no primeiro e último mandato, Oriovisto Guimarães chegou ao Congresso Nacional com a expressiva soma de 2.957.239 votos. Desde então tem feito descobertas diárias sobre forma e conteúdo do que é debatido ou decidido ou, simplesmente, engavetado no Parlamento. Em entrevista exclusiva para a Ideias, o senador falou das dificuldades e das conquistas, dos esforços e das surpresas, dos […]

Continue lendo »

Quando eu me chamar saudade

Meditar sobre a morte é meditar sobre a liberdade; quem aprendeu a morrer, desaprendeu de servir; nenhum mal atingirá quem na existência compreendeu que a privação da vida não é um mal; saber morrer nos exime de toda a sujeição e constrangimento. Michel Eyquem de Montaigne   A morte não deveria se apresentar numa rua, num poste, ponte, numa bala […]

Continue lendo »

Curitiba me atormenta

esta cidade me atormentaCarrego-a comigo em todos os lugares em que passo. Quando saio, meu sotaque se acentua; minhas tintas ficam mais fortes; tenho orgulho e contradições a respeito das araucárias – somos isso, mas não só isso; falo de clima e parques, histórias e teatros, músicos e escritores, avenidas e bosques. Viro guardiã, protetora, assumo todos os valores e […]

Continue lendo »

Admirável gado novo

Qualquer passeio por comentários de notícias em jornais, blogs, revistas atestam: o comportamento de gado está cada vez mais institucionalizado na pequena vida cotidiana brasileira. Espírito crítico? Formação integral? Informação? Educação? Tudo isso é matéria proibida atualmente. Os governos correm na direção contrária da democracia. E tudo que é contra o mantra para continuar a manter uma população rasteira, ignorante, […]

Continue lendo »
1 2 3