O que a mente projeta o corpo sente

Se para um paraquedista profissional saltar de paraquedas pode ser um grande barato, uma grande diversão, para pessoas que não têm essa qualificação, tal situação seria um sofrimento – só em pensar nessa experiência. Mas como algo que não está sendo vivenciado pode me trazer sofrimento? Pelo simples fato de que é na mente que a experiência acontece. Nesse computador […]

Continue lendo »

Neste tempo de confusão sangrenta

Como se não houvesse ontem, levantamos e vamos viver. O dia segue com aquele nublado habitual, nada novo, nada a reclamar, quase nada a sentir. A beleza do dia melancólico não comove mais, pois assim são os dias aqui. Eu descobri a tristeza da minha cidade. Mas nada a atrapalha. Como se não houvesse ontem, saímos de casa, andamos até […]

Continue lendo »

Os palácios do cinema*

“Crepúsculo dos deuses” (Sunset Boulevard), filme dirigido por Billy Wilder, produção Paramount de 1950, ganhadora de três Oscars, roteiro brilhante do próprio Wilder e Charles Brackett, conta a história de Norma Desmond, uma ex-estrela do cinema mudo, vivida por Gloria Swanson – ela própria uma estrela da era muda. No elenco, Erich Von Strohein, na realidade também um diretor da […]

Continue lendo »

Moqueca, sem controvérsias

Como tudo que existe, a moqueca também provoca controvérsias. Seria um prato angolano? Da culinária de nossos índios? Ou é mais uma contribuição dos portugueses? Não sei. Os historiadores tem aí um bom prato para discussões. Prefiro acreditar na origem angolana, de onde vem o nome. Do quimbundo “mu’keka” (‘caldeirada de peixe’). Aceito a ideia de que tem a ver […]

Continue lendo »

Qualquer maneira de amor vale amar

A MPB também é gay. E é porque a música não é nada mais que a expressão do humano, então tudo que diz respeito aos nossos sentimentos, comportamentos, expectativas e vontades é tema para ser cantado, como o homossexualismo e também os preconceitos que estão por perto. O início dessa viagem que tem cor de arco-íris começa em 1931 com […]

Continue lendo »

Um ano diferente

Meu filho vai passar um ano fora, este ano. Isso já torna absolutamente tudo diferente. O réveillon foi diferente, os dias que ainda tenho com ele aqui são diferentes, toda a minha atenção está voltada para esses últimos momentos antes da sua partida. Eu me vejo contando as horas, inventando desculpas para um abraço, fazendo de tudo para ficar perto […]

Continue lendo »
1 2 3